Entrevista à TVU

Veiculado na TV Universitária em 23/01/2015

 

Recebi agora em minha empresa a equipe de jornalismo da TV Universitária onde concedi entrevista sobre as medidas anunciadas pelo governo Dilma e as perspectivas econômicas para 2015.


Salientei que este será um ano de muita dificuldade na economia com crescimento 0% onde a adoção de maior rigor no desembolso do seguro desemprego vai jogar de volta para o mercado de trabalho uma massa de pessoas que dada à anemia da nossa dinâmica econômica não serão absorvidas aumentando a taxa de desemprego.

Ademais a tendência de elevação da taxa de juros somada a falta de credibilidade e confiança está afetando decisivamente a propensão a investir e corroborando para a estagnação da economia brasileira.

Por fim, sobre as medidas tributárias anunciadas esta semana pelo ministro Levy disse que embora seja necessário ajustar as contas públicas, ajuste fiscal não significa aumento de impostos, e se no curto prazo o gasto é rígido o governo pode sinalizar a seus credores que tem capacidade de solvência realizando um ajuste patrimonial, privatizando e vendendo participações em várias das empresas sobre o seu controle, colaborando inclusive para a reativação dos investimentos na economia brasileira.

Compartilhe

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

*

*

Translate »